Na semana passada o Anberlin deu uma mexida com os ânimos dos fãs pedindo que eles montassem uma lista com as 10 melhores canções da banda de todos os tempos. Essa semana foi o Switchfoot quem fez o mesmo. Em sua página no Facebook, os californianos também pediram aos seus 2,3 milhões de fãs para montar uma lista das 10 melhores.

Na estrada há 18 anos, a banda americana já tem 9 álbuns de estúdio gravados, além de gravações ao vivo, EPs e diversos DVDs. Só esse ano já foram lançados o álbum “Fading West” e o documentário de mesmo nome, além do EP “The Edge of the Earth” com músicas que estão no documentário, mas não fizeram parte do álbum. Ou seja, com tanta produção em mãos, não é uma tarefa nada fácil para qualquer fã da banda montar uma lista com apenas 10 canções.

Switchfoot: Fading West

Os caras do Switchfoot durante as gravações do documentário Fading West

Acompanho o trabalho dos caras do Switchfoot desde 2003 na época eles tinham acabado de lançar “The Beautiful Letdown”), mas tenho todos os CDs e com certeza sei o quão importante são as canções mais antigas da banda. Minhas primeiras favoritas foram “You”, “Learning To Breathe” e, obviamente, “Dare You To Move”. Mas com o passar dos anos, outras vieram e foi ficando cada vez mais difícil saber quais eram as que eu mais gostava de escutar. Mas topei o desafio. Vamos à lista:

#10 On Fire

A primeira música da minha lista é uma balada. E uma daquelas bem calminhas mesmo, apesar de que esse não é o estilo predominante da banda. Se tem uma coisa que o Switchfoot faz muito bem é saber mesclar bem as suas canções mais agitadas, com baladas igualmente sensacionais. “On Fire” é, pra mim, exatamente a prova disso e veio logo no primeiro CD que eu ouvi da banda, ao lado de canções mais ritmadas e marcantes como “Meant To Live” e “This Is Your Life”. Aqui já dava pra sentir o quanto Jon Foreman gostava de colocar um lado poético/filosófico em suas letras.

#9 The Shadow Proves The Sunshine

O álbum “Nothing Is Sound” é um dos melhores da banda na minha opinião e não seria difícil separar dele pelo menos uma balada, ao lado de outras músicas muito boas. “The Shadow Proves The Sunshine” é  a balada em questão, com uma letra profunda, reflexiva e com um refrão forte e muto bem marcado. Além de ser uma ótima canção, foi inspiração para a própria banda iniciar um programa beneficente chamado lowercase people, ajudando crianças na África que perderam parentes por causa da AIDS.

#8 Love Alone Is Worth The Fight

Apesar de bem recente, “Love Alone Is Worth The Fight” já entrou pra lista das minhas favoritas. Lançada primeiro em 2013, no EP “Fading West”, que nada mais era que um preview par ao álbum que seria lançado no ano seguinte, a música rapidamente disparou nas rádios americanas e criou uma enorme expectativa para o álbum que viria a seguir. Pra mim, a melhor música do álbum e uma das melhores da carreira da banda, com uma super produção, arranjos geniais e todo um clima que casou perfeitamente, mais tarde, com o clipe e com o documentário “Fading West”, lançado ainda em 2014.

#7 Learning To Breathe

Quando o Switchfoot ainda tentava aparecer pra grande mídia, “Learning To Breathe” apareceu na trilha sonora do filme “A Walk To Remember” (Um Amor Pra Recordar), ao lado de outras canções da banda. Foi o tiro certo que levou a banda ao mainstream. Entre as canções também estava a canção “Only Hope” que ainda ganhou uma versão da atriz e cantora Mandy Moore, interpretada no próprio filme.

#6 You

De todas as canções dessa lista, essa é a mais antiga, de quando a banda ainda era formada somente pelos irmãos Foreman e o baterista Chad Butler. A canção também fazia parte da trilha de “A Walk To Remember”, além de outro clássico da banda, “Dare You To Move” (que vocês vão ver um pouco mais abaixo nessa lista).

#5 We Are One Tonight

Já com Jerome e Drew na formação oficial da banda, o Swithcfoot lançava em 2003 seu principal álbum, pouco depois de ter assinado com a Columbia. E depois do sucesso incrível de “Stars” (que também está nessa lista), o próximo single da banda precisava ser do mesmo nível. Então ela foi escolhida para ganhar também seu vídeo. E que vídeo. Que música. Que refrão. “Somos um essa noite”. E todos os fãs se sentiram como um com o Switchfoot. E se os caras manjam de fazer boas baladas, a levada mas ritmada e pop de “We Are One Tonight” levou o som da banda para outro patamar.

#4 New Way To Be Human

Pense num Switchfoot diferente. Uma banda formada por 3 adolescentes, em meio ao verão da Califórnia, com suas pranchas de surf debaixo dos braços, e instrumentos na outra mão. É um pouco desse sentimento que “New Way To Be Humam” transmite pra mim. Apesar de eu só ter conhecido o álbum, que leva o mesmo nome, alguns anos depois, eu curti muito conhecer a origem da banda. Era o segundo álbum dos garotos de San Diego. E a letra questionadora já era algo marcante de Jon. “O Deus da redenção pode mudar nossa rotina – Há um novo jeito de sermos humanos”, já dizia o poeta.

#3 Stars

Na época em que o vídeo incrível de “Stars” foi lançado, eu fazia parte de um grupo de amigos que frequentava o ZPoC, um programa de compartilhamento de arquivos e para bate-papo com temática cristã. E foi lá que vi a notícia do lançamento do clipe e também foi onde começamos a viajar nas conversas sobre a qualidade da produção. Aliás, se você não viu, assista. Ele está facilmente na minha lista de melhores vídeo de música de todos os tempos (aliás, esse será um top 10 em breve). E não só pelo vídeo, mas pelo seu refrão contagiante, pelo riff poderoso da guitarra que pela primeira vez era tocada pelo guitarrista Drew Shirley na gravação de um álbum da banda (Drew já estava tocando nos shows desde 2003, mas só em 2005 foi incorporado à banda e para participar da gravação do álbum “Nothing Is Sound”).

#2 Hello Hurricane

Ao longo dos últimos anos “Hello Hurricane” tem sido música certa nas rodas de violão com os amigos. Aquele “ôooo ôoo ôo” grudento que simplesmente se tornou até uma piada interna, o refrão gritado e, claro, as boas lembranças de momentos bons sempre acompanham a canção, desde os primeiros acordes do ukelele. Mas não só isso, essa música, e sua letra super positiva, me acompanharam em muitos momentos de estar sozinho e refletindo na vida, tentando achar o lado bom das coisas. Afinal, como diz o refrão, “ei furacão, você não será o bastante para calar meu amor”.

#1 Dare You To Move

Não sei se pra todos, mas acredito que pra grande maioria dos fãs da banda, Dare You To Move é a música mais marcante do Switchfoot. Talvez por ser uma música tão presente na carreira dos caras (ela está em 3 dos CDs, com versões diferentes). Talvez pelos clipes que são tão bons quanto a música (existem duas verões dos clipes também). Mas é fato que essa foi a primeira música que me marcou, foi a primeira deles que aprendi a tocar no violão e é até hoje uma das que mais gosto de ouvir.

“Eu te desafio a se mexer
Como se o ‘hoje’ nunca tivesse acontecido
O ‘hoje’ nunca aconteceu antes”

Quero fazer uma menção honrosa à canção “24”. Pensei muito se deixava ela de fora ou não da lista e acabei por não colocando por achar que as outras tinham mais significado pra mim hoje. Mas quando eu tinha 24 anos, ouvir “24” era um dos meus costumes sempre que eu dava aquela parada pra pensar na vida. Me sentia muito como o Jon na coisa das experiências vividas.

PS 1: eu comecei essa lista com cerca de 30 músicas e fui decidindo quais seriam as 10 que entrariam pra lista ouvindo e ouvindo cada uma e tentando me lembrar do quanto eu realmente gostava de cada uma. Fiquei com um baita remorso de ter excluído algumas, mas é a vida…

PS 2: eu faria fácil uma lista top 50 desses caras. hehehe

Atualizado: O Switchfoot lançou hoje (11/11) sua lista oficial, com o resultado da votação dos fãs. A banda criou uma playlist com as escolhidas no site Bop.fm. Segue a lista final dos fãs:

  1. Where I Belong
  2. Dare You To Move
  3. The Shadow Proves The Sunshine
  4. Meant To Live
  5. Stars
  6. Restless
  7. Learning To Breathe
  8. Only Hope
  9. On Fire
  10. Love Alone Is Worth The Fight

Sobre o Autor

Designer, fotógrafo, metido a escritor, amante de (boa) música, internet heavy user e blogueiro amador, mineiro, cruzeirense, cristão. Praticamente só ouve rock, quase sempre internacional. Ouve música quase o tempo todo em que está acordado e, às vezes, quando está dormindo também. Tocador de violão, baterista e cantor meia boca nas horas vagas.

Posts Relacionados

  • Hamul

    Faltou Meant to Live e Star em 2º

  • Hamul

    Ah, esqueceu de “This is Your Life”, também…

    • Anderson Butilheiro

      Não foi questão de esquecer. É só ler o post inteiro! 😉

  • Marcelo Mazepa

    trocaria stars por yet 😉

    • Anderson Butilheiro

      Não consigo imaginar alguém que troque “Stars” da lista. hehehe.

  • Amei que Where I Belong foi o primeiro lugar na lista oficial deles! Essa música… nossa, é difícil até descrever. Sempre me emociono muito quando a escuto, ela tem um significado espetacular.