Muito além das bandas, artistas tops estão fazendo sons arretados e a gente nem fica sabendo. Por isso, preparamos esta listinha rápida com 5 caras que estão tirando onda com seus trabalhos. Se você conhecer outros, compartilha aí! 🙂

Adriel Vinícius

adriel

Mil estilos em um 🙂

 

Cantor e compositor de Goiânia, o Adriel dá um show em “Transcendente Missão”, lançado em 2014. Como uma versatilidade massa, ele mistura Rock, Blues, R&B, MPB em canções com melodias bem envolventes. Quanto as letras, Adriel canta, reclama e declama poesia, críticas sociais e experiências espirituais. Confira o trabalho dele aqui.

 

Marco Faria

Lirismo mineiro

Lirismo mineiro

Conheci o som desse mineiro por acaso nas andanças pela net. Ouvi e curti bastante. Transitando entre o MPB e o acústico, Marco envolve o ouvinte com uma sensível carga dramática. Ouvir “Fio da Meada” (2011) exige atenção. As letras pedem seu silêncio e reflexão. Enfim, é uma experiência bastante interessante. Confira aqui.

 

 

 

Dann Coutinho

Canta muito esse menino

Canta muito esse menino

O Dann é um recifense arretado que canta sobre suas experiências. Com um pop rock suave com pitadas de indie, folk e uma levada a la Lenine, ele te faz viajar com sua embargada de sentimentos que te convidam a refletir sobre a vida e a sociedade. Mesmo ainda em processo de finalização do seu trabalho, vale a pena ficar de olho nesse menino prodígio. Espia aqui.

 

 

 

Jesse Pedra

Som de rocha

Som de rocha

“Trio +1”, assim termina o nome da sua banda que foi formada para participar de um festival. Apesar de não ter muitas infos sobre ele na net, o fato é que disponibilizaram o o álbum “Jesus e meus 20 e poucos anos” (#FábioJrFeelings) para download no site. Quanto ao som, as faixas se reversam entre o rock e o reggae numa pegada muito bacana. Produto de qualidade que você pode sacar aqui.

 

 

Diego Natan

diego

Um Thalles que não é Thalles

Swing top! Não tem como ouvir o som do Diego e ficar parado. Com muito funk, soul, R&B e monte de outras coisas massas, esse paranaense já mandou ver em dois discos: “Um Novo Tempo” (2012) e “No Lugar Mais Alto, Aos Teus Pés” (2014).  Ouça aqui.

Sobre o Autor

Modernizar o passado é uma evolução musical. (8)

Posts Relacionados

  • vou escutar agora

  • gostei muito do Dann Coutinho

  • Que riqueza de post! Conhecia só o Dann ai que você mesmo me apresentou hehehe!
    Viva a boa música brasileira!

  • Eliezi Luiz

    Façam playlist no spotify prfv

  • Felipe

    Se fosse relacionar bandas, DK6 pouco conhecida com belas musicas e,
    som agradável poderia estar nessa lista.